quarta-feira, 21 de outubro de 2009

o LOBO e a mentira...


Todos mentimos.Os tolos mentem negando os factos ou alterando-lhes as circunstancias;isto é, mentem com o meio mais infantil:a mentira.Os inteligentes modificando-lhes o significado por meio da interpretação e do raciocinio.
A Moral e a Educação desaconcelham a mentira.E fazem bem,porque a pequena mentira de uso comum, passando continuamente de mão em mão, tornou-se uma coisa suja e vil;ao passo que a grande,a inteligente,a genial mentira é arte tão dificil que é preciso muita inteligência para a aprender.Para além disso as mentiras são meios de defesa, como as antitoxinas.
A mentira serve para guardar os tesouros do nosso pensamento e para cobrir as lacunas da nossa consciencia.O nosso próximo é tão miserável ao espreitar-nos para nos fazer mal pelas costas,que me parece mais que honesto faze-lo perder a nossa pista ocultando-lhe a verdade.
A mentira é uma arma de legitima defesa.

17 comentários:

Catarina A Grande disse...

Curiosa esta tua análise.
A Mentira que é, sem dúvida,uma coisa reprovável,torna-se aceitavel perante esta inteligente observação.

Muito bem Lobo

Teresa disse...

" A MENTIRA TEM PERNAS CURTAS"
Esta expressão vem de Paris, no final do século passado Henri de Toulouse-Lautrec, pintor francês, era famoso pelas histórias que contava nos bares parisienses de Pigalle, entre uma litografia e outra.
Dizem as resenhas da época que mentia tão bem quanto pintava cartazes de shows. Como todos sabem, Lautrec tinha um defeito físico: Pernas Curtas.
Achei interessantíssima essa tua visão sobre a Mentira.

bj

MARIAN disse...

Eu sempre digo que não existe nada que provoque mágoa maior que a mentira, pelo menos comigo é assim. Ela destrói o que pode haver de mais sagrado entre duas pessoas, que é a confiança.
Mas,olhando pelo teu prisma,a coisa é diferente.
Fantástico,nunca pensei ser possível defender a mentira.

pernanbucana disse...

Dizem que mentir para si mesmo é a pior mentira e eu concordo. Você constrói uma teia de ilusões e acredita em todas elas - até certo ponto, porque você SABE que está mentindo, mas tenta justificar de alguma forma, como se estivesse fazendo um ato muito nobre - e com isto arrasta todos que convivem com você. Isto é triste. O que pode ser considerado uma mentirinha boba pra você, pode ser arrasadora para outra pessoa.

Você é um mentiroso.
Um beijo fingido

Nordestina disse...

Finalmente te encontrei...
Então… Quer perder a minha amizade ou meu amor para sempre? Minta para mim. Mas você ainda terá uma chance comigo, porque eu também sou humana e também erro - na primeira mentira eu costumo relevar, entender, perdoar… só que se mentir de novo, então você conseguirá o seu intento – acabou!
rsrsrsrsrs

A Senhora disse...

A mentira fere, magoa. Certas verdades também. ;)

Bloguinho da Zizi disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
clarinha florida disse...

Há quem compare a mentira com o sonho.
Não concordo!A mentira tem pernas longas, por isso quase sempre viaja para longe. Mas o sonho é mais aventureiro, não se esbarra com ninguém e não magoa quem encontra pelo caminho. A mentira, no final, bate com a cara numa parede dura, áspera e intransponível. Então esborracha-se feio e fica lá colada no nada, sem graça, triste para sempre. O sonho não! O sonho continua viajando, vendo novas paisagens, conhecendo mais pessoas, invadindo corações e magicamente distribuindo sorrisos nos rostos de toda a gente. O sonho atravessa muros, vence desfiladeiros e nunca abandona o seu dono.
A mentira não.

APIANISTA disse...

A mentira, infelizmente, faz parte da vida e, muitas vezes é um mal necessário para evitar problemas maiores, seja no relacionamento familiar, de trabalho, de amizade ou mesmo de relacionamentos afectivos.
É assim a vida.

Meditando disse...

A tua forma de analisar é sempre muito interessante.
Muitas vezes fazemos uso da mentira para evitar um sofrimento, para impedir um mal maior, para evitar de sermos prejudicados de alguma forma ou mesmo para proteger as pessoas amadas de sofrerem por causa de um problema qualquer.
Portanto,nem sempre a mentira é condenável.

Bruxa do Bosque disse...

Às vezes dizemos com ostentação uma verdade amarga para não deixar perceber que todas as outras são mentiras.
Não é POTT?

Um beijo da tua

"B"

AnaMar (pseudónimo) disse...

Eu achava que nunca mentia. Porque nunca menti, até me sentir obrigada a faltar à verdade.Fiquei aterrorizada comigo.E passou-se há poucos anos e desde aí descobri que também minto. Sejam quais forem as situações, acho que se mente por 3 razões principais: para nos defendermos, para não magoarmos, ou a pior das piores , para atingir fins, que através da verdade nãose conseguiam. Entendo a primeira e a segunda. Mas não aceito a terceira. Abomino mentirosos, daqueles compulsivos, que não sabem distinguir a verdade da mentira, quando lhes dá jeito.
Mas tento sempre a verdade, e sim prefiro uma verdade crua a uma mentira piedosa.
(A mentira tem perna curta e dói muito mais quando descoberta. e o tempo em que foi verdade deixa de ter valor.)

Abreijos

(Ah, obrigada pela sua visita. Não escrevo poesia, solto pensamentos. E na minha opinião, um perfume não é bom ou mau, pela marca, mas sim pelo aroma e isso tem a ver com o odor de cada um de nós. Não concorda?)

Eduarda disse...

Quando a vida do mentiroso se torna numa mentira. Ou seja, ele vive em função da sua mentira, vive interpretando um papel diferente daquilo que ele é. Vale dizer que o mentiroso também sofre com as suas mentiras porque para evitar que sua mentira seja descoberta, ele cria uma série de situações, de histórias para sustentar a sua mentira tornando-se um vigilante contínuo para não ser descoberto.

NOKITAS disse...

Uma vez ouvi esta frase num sonho:

"A verdade é uma doença sem a qual a mentira não pode passar."

Não faz sentido nenhum, mas soa bem.

beijinho doce

continuando assim... disse...

achas mesmo isso???

bj
teresa

O LOBO de....POTT disse...

Claro que acho.................hoje acho..
amanhã não sei...

São disse...

Fiquei sem saber se o texto é uma provocação ou a verdade do que pensa.

De qualquer modo, desculpará, mas a única coisa que não perdoo é mesmo a mentira.

Saudações.